Notícias

12/09/2018 - SINDAUT COBRA DO PRESIDENCIÁVEL CIRO GOMES REVOGAÇÃO DA REFORMA TRABALHISTA

  • O SINDAUT já cobrou do presidenciável, Ciro Gomes o compromisso que se for eleito, a revogação total da reforma trabalhista.  O Sindicato entende que a revogação da lei 13.467 será a saída mais honesta e justa para a classe trabalhadora. Para haver a atualização da CLT com geração de emprego conforme o governo Temer anunciou, será preciso a retomada dessa discussão mais profunda, mais séria com as centrais sindicais e outros atores envolvidos.


    Em sua passagem pelo comércio popular do Rio – o SAARA – o presidenciável Ciro Gomes, do PDT, foi prestigiado por populares, sindicalistas e militantes do partido, todos entusiasmados com o presidenciável que sobe nas pesquisas, de acordo com o Instituto Data Folha.

    Ciro Gomes dedicou parte de seu discurso ao Rio, que passa por grave crise econômica, com grande desemprego, lojas fechadas e pessoas endividadas. Por isso, entre suas várias propostas, a de ativar o consumo das famílias através da limpeza dos nomes dos endividados que constam no Serasa é uma das que despertam atenção.


    Ciro tem criticado a entrega do patrimônio público pelo governo Temer, assim como a reforma trabalhista, que retira direitos conquistados. Suas propostas agradaram os sindicalistas que levaram faixas de apoio 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Murilo Alth comemora a decisão que beneficiará o aposentado Aposentadoria aumentada em 53% Rio - Mais um aposentado conseguiu na Justiça o direito a incluir as contribuições previdenciárias anteriores...
O SINDAUT já cobrou do presidenciável, Ciro Gomes o compromisso que se for eleito, a revogação total da reforma trabalhista.   O Sindicato entende que a revogação da lei 13.467 será a saída mais...
Serasa lança plataforma Limpa Nome 2018 com parcelamento e descontos de até 90% Esta é uma boa oportunidade para os trabalhadores que estão com nome negativado, regularizar seu CPF. Matéria de Letycia...
STF FORMA MAIORIA A FAVOR DA TERCEIRIZAÇÃO EM ATIVIDADE-FIM O ministro Celso de Mello leu o sexto voto adepto à possibilidade de as empresas poderem terceirizar todas as atividades; a presidente da Co...
SINDICATOS ARTICULAM VETO A NOVAS FORMAS DE CONTRATAÇÃO Sindicatos tentam barrar novas formas de contratação, como o trabalho intermitente Sindicatos de peso com data-base em 1º de setembro, como o de...